Publicações Recentes

INSTITUTO AMANTIFLORE: PRESERVAÇÃO DA MATA ATLÂNTICA NO INTERIOR PAULISTA



O Espaço Cultural Conjunto Nacional (Avenida Paulista, 2073 – Piso Térreo) realiza no período de 21 a 30 de setembro de 2017 a exposição “Amantiflore – Preservação da Mata Atlântica”, em parceria com o Instituto Amantiflore, que desenvolve projetos de ecoturismo, culturais e educacionais sustentáveis no interior paulista com o objetivo de aliar a preservação da natureza à geração de riqueza da comunidade em geral, promovendo o crescimento da economia sustentável em nosso planeta para as presentes e futuras gerações.


Localizada nas proximidades da capital paulista, no município de Tapiraí – entre as cidades de Sorocaba e Piedade – a Fazenda São José é considerada uma das maiores áreas que ainda conserva a Mata Atlântica no estado de São Paulo. Com quatro mil hectares de extensão, a fazenda conta com várias espécies de plantas nativas e dezenas de exemplares da fauna brasileira. Com o objetivo de preservar a riqueza ambiental da localidade e oferecer à sociedade um parque de ecoturismo com diversas atividades culturais e educacionais, a família Monteiro da Silva, que administra a área, criou o Instituto Amantiflore. O nome, em latim, “amante da flor” numa tradução simples, também remete a amanti natura, ou “amante da natureza”, e a amantikir, ou Mantiqueira em linguagem tupi, que dá o nome à Serra da Mantiqueira, em tradução livre “a serra que chora”, em razão da grande quantidade de chuva que cai na região.


A exposição, com fotos de Valdemir Cunha e Ligia Fernandes, mostra a diversidade ambiental e a riqueza da fauna e da flora do local, e pode ser vista até o dia 30 de setembro de 2017.


Serviço:

Exposição: Amantiflore – Preservação da Mata Atlântica

Fotos de Valdemir Cunha e Ligia Fernandes

Local: Espaço Cultural Conjunto Nacional

Endereço: Avenida Paulista, 2073 – Piso Térreo

Período: 22 a 30/09, das 10 às 21 horas

Contato: www.amantiflore.org.br

#exposição